-->

2ª Vara do Sistema dos Juizados

Especiais de Lauro de Freitas

Selo de Ouro 2018

Outubro Rosa: Coordenação de Saúde Ocupacional chama atenção para a necessidade de adoção de hábitos saudáveis na prevenção do câncer de mama

QUINTA-FEIRA, 07 DE OUTUBRO DE 2021 ÀS 09:00
Compartilhar:

O Poder Judiciário da Bahia (PJBA), por meio da Coordenação de Saúde Ocupacional (COSOP), alerta magistrados e servidores para a necessidade de ter hábitos saudáveis. O tema chama ainda mais atenção neste mês da Campanha Outubro Rosa, uma vez que manter uma alimentação adequada e fazer atividade física pode contribuir na prevenção do câncer de mama.

“Não me resta nenhuma dúvida sobre a importância de cultivarmos bons hábitos de vida, seja através da alimentação, controle do peso, prática de exercícios, boa qualidade de sono. Na verdade, essa seria uma ótima maneira de exercitarmos a medicina preventiva, principalmente, em relação a doenças como o câncer”, afirma a Médica Coordenadora de Saúde Ocupacional do PJBA, Diana Vincis.

A médica ressalta que a realização de exames e avaliações com profissionais de saúde já fazem parte da etapa de investigação para um diagnóstico precoce da doença que, quando detectável, vai requerer algum tipo de tratamento.

Neste mês de outubro, o PJBA reforça com os servidores orientações para a necessidade de prevenção e para detecção precoce do câncer de mama.

Em parceria com a Fundação José Silveira, exames ginecológicos, incluindo a mamografia, serão realizados para servidoras, magistradas, colaboradoras e terceirizadas, nesta quarta-feira (06). A COSOP também divulga materiais informativos sobre a doença para melhor conhecimento por parte dos servidores, além de artigos esclarecedores, com informações sobre prevenção, diagnóstico, tratamento, cuidados, etc.

Como forma de prevenção ao câncer de mama, a Coordenadora Diana Vincis pontua que “de uma forma geral devemos ser vigilantes em relação a nossa qualidade de vida, conhecer bem nosso corpo”. No caso das mamas, realizar o autoexame e, ao perceber qualquer alteração, ser avaliada por especialistas, além de buscar consultas médicas periódicas, para realização de exames que podem diagnosticar precocemente a doença.

A Médica destaca ainda que a prática de atividade física é um fator protetor para diversas doenças, incluindo o câncer de mama. “Atualmente o TJBA, tendo a frente a Coordenação de Desenvolvimento Organizacional e de Pessoas (CODES), está fazendo uma campanha de incentivo à caminhada / corrida, iniciativa que devemos tentar multiplicar ao longo de todo o ano”.

No PJBA, a COSOP e a Diretoria de Assistência à Saúde (DAS) encontram-se de portas abertas para esclarecimento de quaisquer possíveis dúvidas médicas em relação à prevenção ou diagnóstico do câncer de mama, em qualquer época do ano.